SENALBA/CAX – SINDICATO DOS EMPREGADOS EM ENTIDADES CULTURAIS, RECREATIVAS, DE ASSISTÊNCIA SOCIAL, DE ORIENTAÇÃO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL NO MUNICIPIO DE CAXIAS DO SUL/RS

EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA ASSEMBLÉIA GERAL EXTRAORDINÁRIA –

Empregados em entidades culturais, recreativas, de assistência social, de orientação e formação profissional no município de Caxias do Sul

No uso de minhas atribuições legais e estatutárias, CONVOCO os empregados da CATEGORIA PROFISSIONAL EM GERAL, sócios e não sócios, inclusive os colaboradores do SESC, SENAC, SESI, SENAI, CURSOS LIVRES para a ASSEMBLÉIA GERAL EXTRAORDINÁRIA, a qual será realizada no dia 28 (vinte e oito) de outubro de 2016, às 18h30min e 19horas, respectivamente, na sede do SENALBA/CAXIAS – av. Julio de Castilhos, 2020, auditório 604 Edifício Jaguaribe- centro de Caxias do Sul, obedecido o intervalo entre a primeira e a segunda convocação, com a presença de 2/3 dos interessados ora convocados para a primeira convocação e, em segunda e última chamada, quando as decisões serão tomadas pela maioria de 2/3 dos presentes, para apreciar e deliberar a respeito da seguinte Ordem do Dia: 1 – Conveniência ou não de se instaurar processo de revisão de Convenção, Acordo, Dissídio Coletivo de Trabalho e/ou Arbitragem Judicial contra as entidades representativas da categoria econômica, por representação do SENALBA; A.1Aprovando-se o item 1, definição das Cláusulas de natureza jurídica e econômica que deverão ser objeto do pedido de novas condições de trabalho segundo as respectivas Entidades e datas-bases; B.1Aprovando-se o item 1, procedimento a ser adotado para as negociações judiciais e extrajudiciais junto as empresas e Sindicatos que representam a categoria econômica, entre os quais e especialmente o SECRASO/RS, SINDIOMAS, SINDEPARS, etc, inclusive concessão de plenos poderes para o Presidente do SENALBA para que possa firmar Convenções e/ou Acordos Judiciais, aceitar ou recusar propostas e/ou contrapropostas, variar do pedido e o que mais for necessário e de interesse geral da categoria; C.1Aprovando-se o item 1, discussão e deliberação, aprovando ou não, sobre a concessão de poderes ao sindicato profissional para ajuizar ações trabalhistas como substituto processual de integrantes da categoria. 2 – Conveniência ou não para DELEGAR poderes a FESENALBA para, em nome da categoria, instaurar processo de revisão de Convenção, Acordo, Dissídio Coletivo de Trabalho e/ou Arbitragem Judicial contra as entidades representativas da categoria econômica para o ano base de 2017; A.2Aprovando-se o item 2, concessão de plenos poderes de representação para a FESENALBA/RS negociar, conciliar e ajustar acordos e/ou convenções coletivas de trabalho, bem como instaurar processo de dissidio coletivo e/ou arbitragem judicial e extrajudicial. B.2Aprovando-se o item 2, autorização para que a FESENALBA/RS, observando as condições de trabalho segundo as respectivas Entidades e datas-bases, inaugure em seu nome o processo de negociação coletiva e possa também em seu nome convocar a categoria profissional, negociar e firmar as negociações coletivas, podendo deliberar quanto às cláusulas de natureza jurídica, social e econômica que deverão ser objeto do pedido de novas condições de trabalho; C.2Aprovando-se o item 2, concessão de plenos poderes para o Presidente da FESENALBA/RS para firmar Convenções e/ou Acordos Judiciais, aceitar ou recusar propostas e/ou contrapropostas, variar do pedido e o que mais for necessário e de interesse geral da categoria.
Caxias dos Sul 17 de outubro de 2016
Alceu Adelar Hoffmann – Presidente.